sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Os prós e os contras da carne vermelha

Imagem Outback Steakhouse

maes_picanha

Há muito se discuti os benefícios e malefícios da carne vermelha, mas o fato é que ela nos oferece proteínas que são essenciais à vida, e a falta dela faz com que nosso corpo tenha envelhecimento precoce e produção reduzida de anticorpos.

Carne de boi, porco, cordeiro e veado são excelentes fontes de proteína e aminoácidos necessários à regeneração celular, além disso, são fonte de ferro heme, que é mais facilmente absorvido pelo organismo e que também ajuda na renovação da célula. Além do ferro as carnes são as principais fontes de vitamina B12 essencial na proteção contra as anemias.

Porém, como tudo, o lado negativo deste alimento também existe. As carnes vermelhas podem ser ricas em gorduras saturadas, que fazem mal ao organismo e em excesso são inflamatórias. Além disso, alguns animais recebem antibióticos e hormônios que são potencialmente nocivos ao organismo dos seres humanos, por isso é importante saber comprar as carnes.

O ideal é o consumo de carne de animais de criação livre, que não são criados em currais, e sim em pastos e que, além disso, sejam carnes orgânicas, que vêm de animais que não recebem hormônios e antibióticos e comem ração livre de agentes químicos potencialmente perigosos.

Uma dica da nutricionista funcional Daniela Jobst para quem gosta de carnes exóticas: “Opte pelo bisão (búfalo) ou avestruz, que trazem os mesmos benefícios das carnes de outros animais”.

Nenhum comentário: